Compartilhando

29 de março de 2011

Ciclo da Violência & Educação

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 17:40

Com quem você se identifica neste vídeo?

Anúncios

25 de março de 2011

Ministro Luiz Fux trai Ficha Limpa e o povo brasileiro

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 12:14

Caros amigos de todo Brasil,

A Ficha Limpa foi derrubada pelo STF: agora ela não será válida até 2012. O Ministro Luiz Fux desempatou a decisão com um voto inesperado que irá liberar os corruptos barrados a assumirem seus cargos! Vamos dizer para ele o que os brasileiros pensam deste voto — mostrando que trair o povo tem um custo político alto. Clique aqui para enviar uma mensagem para o Ministro Fux :

O STF decidiu ontem: a Ficha Limpa só será válida para 2012.

O Ministro Luiz Fux quebrou todas as expectativas e frustrou a sociedade brasileira ao dar o voto do desempate que liberou os corruptos barrados a assumirem seus postos no Congresso Nacional. Ao ser apontado para o STF, o Ministro Fux elogiou a Ficha Limpa dizendo que ela “conspira a favor da moralidade”. Somente ontem ficamos sabendo do seu verdadeiro posicionamento.

O voto do Ministro Fux significa que corruptos famosos como Jader Barbalho, João Capiberibe e Cássio Cunha Lima irão assumir seus cargos. É um tapa na cara da sociedade brasileira que lutou árduamente pela aprovação da Ficha Limpa.

Vamos dizer para o Ministro Luiz Fux o que pensamos, clique abaixo para enviar uma mensagem para ele:

http://www.avaaz.org/po/mensagens_luiz_fux/?vl

Cinco Ministros do STF, o Ministério Público Federal e o Tribunal Superior Eleitoral, todos analisaram a Ficha Limpa e concordaram que a sua validade para 2010 é plenamente constitucional. Até a Ministro Fux ser apontado havia um empate de 5 juízes contra e 5 a favor da validade da Ficha Limpa para 2010. Ele deveria ter quebrado o empate favorecendo o povo brasileiro, não os interesses dos corruptos.

Brasileiros de todos os cantos do país se uniram em uma escala fenomenal e lutaram bravamente para aprovar a Ficha Limpa. No começo poucos acreditavam que ela seria aprovada, mas juntos nós pressionamos os deputados durante todo o trâmite da lei no Congresso, garantindo que a Ficha Limpa finalmente se tornasse lei. E nós vencemos. Mais de 2 milhões de nós fizemos isto acontecer. O entusiasmo pela aprovação da Ficha Limpa tomou conta da mídia e da sociedade, simbolizando uma nova era na política brasileira.

O Ministro Luiz Fux foi bem recebido pelos grupos da sociedade civil como um “apoiador da Ficha Limpa” porém ontem, ele decepcionou a todos nós. Há pouco que podemos fazer para reverter a decisão do STF, mas vamos inundar os emails do Ministro Fux com mensagens de todo o Brasil, mostrando a nossa indignação. Clique abaixo para enviar a sua:

http://www.avaaz.org/po/mensagens_luiz_fux/?vl

Este não é o fim desta história, ainda temos um longo caminho a percorrer para consertar a política brasileira, acabar com a impunidade e finalmente ter políticos decentes nas urnas. Não será fácil, mas este é um movimento do povo brasileiro e com determinação, nós temos o poder de gerar as mudanças a longo prazo que o nosso país tanto merece.

Com esperança,

Alice, Graziela, Ben, Laura, Milena, Pascal, Ricken e toda a equipe Avaaz

Leia mais:

Fichas-sujas comemoram decisão do STF:
http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/fichassujas+comemoram+decisao+do+stf/n1238187815196.html

Fux vota pela validade da Lei da Ficha Limpa só em 2012:
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5024770-EI7896,00-Fux+vota+contra+Ficha+Limpa+em+lei+pode+valer+so+em.html

Ficha Limpa: Voto de Minerva do ministro Luiz Fux recebe críticas no meio jurídico:
http://oglobo.globo.com/pais/mat/2011/03/23/ficha-limpa-voto-de-minerva-do-ministro-luiz-fux-recebe-criticas-no-meio-juridico-924075303.asp

Veja quem pode ganhar vaga no Congresso após decisão do STF:
http://g1.globo.com/politica/noticia/2011/03/veja-quem-pode-ganhar-vaga-no-congresso-apos-decisao-do-stf.html

Presidente da OAB diz que voto de Fux ‘frustra sociedade’:
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5025086-EI7896,00-Presidente+da+OAB+diz+que+voto+de+Fux+frustra+sociedade.html

Validade da Ficha Limpa em 2010 é um ‘acerto’, diz procurador:
http://www1.folha.uol.com.br/poder/892859-validade-da-ficha-limpa-em-2010-e-um-acerto-diz-procurador.shtml

Eles estão de volta: Jader, Cunha Lima e os Capiberibes:
http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2011/03/23/eles-estao-de-volta-jader-cunha-lima-os-capiberibes-370720.asp

Decisão do STF abre as portas do Congresso para condenados por corrupção:
http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI5026374-EI294,00-Decisao+do+STF+abre+as+portas+do+Congresso+para+condenados+por+corrupcao.html

Apoie a comunidade da Avaaz! Nós somos totalmente sustentados por doações de indivíduos, não aceitamos financiamento de governos ou empresas. Nossa equipe dedicada garante que até as menores doações sejam bem aproveitadas — clique para doar.



A Avaaz é uma rede de campanhas globais de 5,6 milhões de pessoas
que se mobiliza para garantir que os valores e visões da sociedade civil global influenciem questões políticas internacionais. (“Avaaz” significa “voz” e “canção” em várias línguas). Membros da Avaaz vivem em todos os países do planeta e a nossa equipe está espalhada em 13 países de 4 continentes, operando em 14 línguas. Saiba mais sobre as nossas campanhas aqui, nos siga no Facebook ou Twitter.

22 de março de 2011

Entrevista com o Zangief Kid (legendado)

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 11:08

Um vídeo para refeltir sobre a violência.

16 de março de 2011

Renault aciona usuária na Justiça por site

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 23:21

Renault aciona usuária na Justiça por site

Vinicius Aguiari, de INFO Online

Segunda-feira, 14 de março de 2011 – 14h19
SÃO PAULO – A Renault conseguiu uma decisão, na 1º Vara Cível de Concórdia, em Santa Catarina, que determina a retirada do ar de um site e de todas as contas em redes sociais que uma usuária criou para protestar contra a montadora.
No site Meu Carro Falha, a usuária Daniely Argenton relata que seu carro, um Renault Megane Sedan 2.0, está há três anos estacionado devido à falhas no motor. Comprado em 2007, o carro foi levado algumas vezes para a assistência técnica da montadora, de onde sempre voltou com o mesmo problema, segundo Daniely. Neste intervalo, a garantia do carro expirou.
Leia também:

Inconformada, ela resolveu criar o site, em fevereiro passado, para expor o seu problema. Na página, Daniely publicou fotos e vídeos do carro guardado em sua garagem.
De acordo com o juiz Renato Maurício Basso, Daniely cometeu abuso do seu direito de liberdade de expressão, podendo causar danos à imagem da empresa. O juiz também determinou que ela retire do ar o site e outras mídias sociais, como o vídeo no YouTube e conta no Twitter, no prazo de 48 horas. A multa para o descumprimento da decisão é de 100 reais ao dia.
Procurada pela reportagem, Daniely preferiu não se pronunciar. No Twitter, ela disse que ainda vai aproveitar o prazo de 48h, contadas a partir de hoje, para retirar as páginas do ar.
O caso é semelhante ao do consumidor Oswaldo Borelli, que foi parar nos trending topics do Twitter, após publicar um vídeo no YouTube reclamando dos serviços recebidos pela Brastemp.
Hoje, Daniely exige na Justiça o ressarcimento dos valores gasto com o carro. De acordo com seu advogado, o processo ainda pode se arrastar por mais cinco ou seis anos até uma decisão judicial.

9 de março de 2011

Lançado o primeiro livro sobre audiodescrição do Brasil

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 02:02
Audiodescrição
Transformando Imagens em Palavras
APRESENTAÇÃO

É com muito prazer que apresentamos aos caros leitores o primeiro livro brasileiro sobre audiodescrição, uma mostra significativa da produção intelectual brasileira sobre o tema, que reúne trabalhos de professores e profissionais da área, além de artigos e depoimentos de pessoas cegas e videntes engajadas na luta pela implementação do recurso no Brasil, mais especificamente na TV brasileira.

A audiodescrição é um recurso de acessibilidade que amplia o entendimento das pessoas com deficiência visual em eventos culturais, gravados ou ao vivo, como: peças de teatro, programas de TV, exposições, mostras, musicais, óperas, desfiles e espetáculos de dança; eventos turísticos, esportivos, pedagógicos e científicos tais como aulas, seminários, congressos, palestras, feiras e outros, por meio de informação sonora. É uma atividade de mediação linguística, uma modalidade de tradução intersemiótica, que transforma o visual em verbal, abrindo possibilidades maiores de acesso à cultura e à informação, contribuindo para a inclusão cultural, social e escolar. Além das pessoas com deficiência visual, a audiodescrição amplia também o entendimento de pessoas com deficiência intelectual, idosos e disléxicos.

O livro objetiva informar profissionais de TV, cinema, teatro, museus e outras artes visuais, assim como professores e alunos de cursos de audiodescrição, profissionais da área de Letras, Tradução, Comunicação e Artes, Educação e outras ligadas a questões de acessibilidade. Além disso, servirá como material de referência e apoio técnico-teórico para pessoas que buscam conhecer a técnica, que frequentam os cursos de formação de audiodescritores e que já trabalham com pessoas com deficiência visual. Para isso, discute o conceito, o panorama mundial e brasileiro, o histórico, a experiência brasileira em teatro, TV, festivais de cinema, óperas, filmes, exposições, comerciais, animações e documentários.

Divide-se em três partes: a primeira é composta de artigos que apresentam e discutem leis e decretos, práticas e aspectos teóricos; a segunda, entitulada: A Primeira Audiodescrição a Gente Nunca Esquece, apresenta depoimentos de pessoas com deficiência visual sobre suas experiências com audiodescrição, enfatizando a relevância do recurso. Na terceira parte, Olhos que Falam, estão os depoimentos de audiodescritores, os quais relatam suas práticas com diversos gêneros de espetáculos como: comerciais, animação, peças de teatro, exposições, cinema, com destaque para o quanto a atividade contribui para o desenvolvimento pessoal e profissional de cada um. O prefácio, escrito por Marco Antonio de Queiroz, certamente, motivará os caros leitores a empreenderem uma viagem estimulante e inusitada aos caminhos já percorridos pela audiodescrição no Brasil. Aproveitem!!!


Lívia Maria Villela de Mello Motta (visite o site)
Paulo Romeu Filho (visite o site)
(organizadores)
________________________________________________
Você pode baixar o livro completo gratuitamente nos links abaixo nos seguintes formatos:
PDFDOCXTXT
_______________________________________________

6 de março de 2011

Música – uma estranha

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 15:25

Esta reflexão recebi da Sueli, por email, que me autorizou compartilhá-lo aqui.
elton
___________________


Pessoal, escrevi um pequeno texto sobre música na minha vida:

Vocês já pararam para pensar que os surdos ás vezes se pegam pensando e perguntando que talvez nunca irão ter respostas, eu mesma  nunca tive a resposta.

 As perguntas que fazemos são:

 Como é o som?
 O que é ouvir?
 Faz cosquinhas nos ouvidos?
 Como será que é a voz, de homem e de mulher?
 Deve ser fenômeno?
 Diferente?
 Qual é a sensação de ouvir?
 Como entra na orelha?

 

Gente, eu me pergunto sempre, e neste momento estou com estas  perguntas… e fico pensando… é estranho, a curiosidade e não há  dinheiro no mundo que possa me fazer conseguir ter isso…  aparelhos… nunca aproxima o ouvido humano, nem o tal implante  coclear, nem… sei lá.
 
Fico imaginando que deve fazer cosquinhas… cabelinhos dentro das  orelhas… cores dentro da orelha… sensação diferente além de que  conheço, que sensação é?
 
Será que a tradução da música pelas mãos tem o mesmo efeito de  ouvir, e que tal fazer somente sinais das músicas sem o som da música  para acompanhar… e me digam se é o mesmo… é uma curiosidade que  me persegue.
 
Música…. você é muito estranha para mim, não faz parte do meu  mundo… não sei quem é você… às vezes voce provoca sentimentos nas  pessoas, elas choram, gritam, dão risadas, se abraçam, por quê? quem  é voce? para provocar tanto alvoroço, pessoas ficam enlouquecidas  quando te ouvem… ficam alucinadas, quem é você? que notas são essas?
 
Instrumentos musicais, a ferramenta da música, também não têm valor  para mim… eu passo vejo os instrumentos em algumas lojas e vejo  que são tão sem graça, e ao mesmo tempo, bonitos pela aparência… mas  representam um perigo para mim… pois estes instrumentos me fazem  pensar que jamais posso saber o valor deles… eles sim me provocam um  sentimento de impotência, perguntas sem respostas, me deixando  somente na ilusão… imaginação…
 
É horrível este sentimento de poder ver, saber que ele provoca  certos sentimentos nas pessoas privilegiadas e que não posso jamais  saber a essência…
 
Será que devo passar a eternidade sem poder conhecer?
 
Decidi que ouvir um som abafado pelo sussurro é entender que  algumas coisas são inexplicáveis, e permanecerão para  sempre… imutáveis, meus ouvidos se renderam ao silêncio… olhei-me  atentamente para ver quem sou… e decidi me ver como realmente  sou… os meus ouvidos me guiaram ao conhecimento… as minhas  mãos… os meus olhos… significa reconhecer que não sou  perfeita… que não preciso de todas as respostas… percebi que a  minha deficiência, me faz ter desejos ocultos, fraquezas que não  podem ser confessadas… rasguei-me por dentro… significa me tornar  mais fria… ou mais quente… chegar ao extremo em busca da  perfeição… que alto preço a se pagar… entretanto, não abro mão  para a perfeição, sofrerei , terei decepções… mas serei mais  tolerante, mas minha busca será eterna.

Profa.Sueli Ramalho Segala
Coordenadora de Inclusão/Intérpretes Libras

2 de março de 2011

De mãe para mãe

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 16:13
Esta recebi de Josuka Soares por email.
elton
Carta enviada de uma mãe para outra mãe em SP, após noticiário na TV:
 
Vi seu enérgico protesto diante das câmeras de televisão contra a transferência do seu filho, menor infrator, das dependências da FEBEM em São Paulo para outra dependência da FEBEM no interior do Estado.
Vi você se queixando da distância que agora a separa do seu filho, das dificuldades e das despesas que passou a ter para visitá-lo, bem como de outros inconvenientes decorrentes daquela transferência. 
Vi também toda a cobertura que a mídia deu para o fato, assim como vi que não só você, mas igualmente outras mães na mesma situação que você, contam com o apoio de Comissões Pastorais, Órgãos e Entidades de Defesa de Direitos Humanos, ONGs etc.
Eu também sou mãe e, assim, bem posso compreender seu protesto.Quero com ele fazer coro.
Enorme é a distância que me separa do meu filho.
Trabalhando e ganhando pouco, idênticas são as dificuldades e as despesas que tenho para visitá-lo. Com muito sacrifício, só posso fazê-lo aos domingos porque labuto, inclusive aos sábados,para auxiliar no sustento e educação do resto da família…
Felizmente conto com o meu inseparável companheiro, que desempenha para mim importante papel de amigo e conselheiro espiritual.
Se você ainda não sabe, sou a mãe daquele jovem que o seu filho matou estupidamente num assalto a uma vídeo-locadora, onde ele, meu filho, trabalhava durante o dia para pagar os estudos à noite.
No próximo domingo,quando você estiver abraçando, beijando e fazendo carícias no seu filho, eu estarei visitando o meu e depositando flores no seu humilde túmulo, num cemitério da periferia de São Paulo…
Ah! Ia me esquecendo:  e também ganhando pouco e sustentando a casa, pode ficar tranqüila, viu, que eu estarei pagando de novo, o colchão que seu querido filho queimou lá na última rebelião da Febem.
Nem no cemitério, nem na minha casa, NUNCA apareceu nenhum representante destas “Entidades” que tanto lhe confortam, para me dar uma palavra de conforto, e talvez me indicar, “Os meus direitos”!
DIREITOS HUMANOS SÃO PARA HUMANOS DIREITOS

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.