Compartilhando

30 de abril de 2013

Outdoor móvel choca e comove ao demonstrar o horror do tráfico de mulheres

Filed under: Uncategorized — vergaranunes @ 16:00

Reproduzo aqui a notícia da campanha abaixo. Muito importante.


19 ABR 2013 | por DUQUIAN em PUBLICIDADE �s 3:36


Essa é mais uma daquelas ações publicitárias que merece aplausos. Primeiro por chamar atenção para um problema que pode ser mais comum do que imaginamos. O tráfico de mulheres ganhou destaque no Brasil com a novela da Gloria Perez, mas antes disso muita gente nem sabia que existia.

A ação foi promovida em Atlanta, nos EUA, para a ong End It, e levou para bem perto daspessoas uma realidade tão assustadora quanto chocante: Mulheres sendo transportadas em condições sub-humanas como se fossem animais, dentro de um caminhão com paredes de vidro.

A campanha ainda chama atenção para outro detalhe: Os traficantes de mulheres costumam buscar lucro em grandes eventos esportivos, já que nesses eventos a uma grande concentração de turistas masculinos, que depois procuram dar uma esticadinha em casas de prostituições.



Um caminhão com carroceria transparente. Dentro, mulheres agredidas são levadas como gado.


“Todo ano mulheres são traficadas para grandes eventos esportivos para serem vendidas como escravas sexuais.”

18 de abril de 2013

DIVERSIDADE NA SURDEZ

Acessibilidade para todos os surdos
Sô Ramires
Há surdos que se comunicam usando a língua brasileira de sinais, libras, para esses é necessário janela de libras nos audiovisuais e intérpretes para comunicação em geral. Como não fazem parte da minha vivência cotidiana desconheço se têm outras necessidades de comunicação. E lembro que muitos usuários de libras também conhecem e língua portuguesa, então podem usar legendas e textos escritos.
Há surdos que são oralizados, fazem leitura labial e são alfabetizados em português: necessitam legendas escritas, usam leitura labial na conversação observando o rosto de quem fala e não necessitam intérpretes.
Para as legendas existem as closed caption (legendas ocultas) usadas na televisão, que podem ser acionadas ou não, as open caption, usadas em cinema e teatro, e é possível o acompanhamento de aulas, palestras, sessões de tribunais etc. com legendas feitas por estenotipia por profissionais especializados e que podem posteriormente ser impressas.
Em todos os locais públicos necessitamos informações escritas e alarmes luminosos. Tudo que for dito por alto falantes deve aparecer também escrito em telões.
Entre os surdos oralizados um grande número pode ouvir usando próteses, como aparelhos auditivos e vários tipos de implantes. Faço parte deste último grupo.
Existem equipamentos de sonorização especial que enviam som diretamente para aparelhos auditivos e implantes, e assim podemos ouvir teatro, cinema, música, palestras, aulas… diretamente nas próteses, eliminando ecos, ruído ambiente etc.
O FM é um equipamento individual e requer um microfone próximo à fonte sonora e um receptor para a pessoa surda; o Amplificador de Indução Magnética, aro magnético (hearing loop) transmite o som para o ambiente, sendo captado pelo aparelho auditivo ou implante, sendo por isso de uso coletivo. Nenhum deles interfere no som ambiente e não prejudica a audição das pessoas não surdas.
Nos ambientes de trabalho a comunicação escrita é fundamental. E-mails, SMS e recursos semelhantes agilizam a comunicação. Existem também telefones com amplificação que alguns surdos podem utilizar com eficiência. No mercado existem ainda telefones com teclado cuja utilização é complicada por necessitar o mesmo tipo de equipamento nas duas pontas da comunicação, é caro e ineficiente, por isso seu uso é quase insignificante. Podemos ver alguns desses modelos em terminais de Metrô de São Paulo, mas sinceramente nunca usei nem vi ninguém usando. A comunicação via SMS e e-mail é mais ágil e precisa ser implantada no atendimento a clientes, na marcação de consultas, atendimento bancário, serviços de urgência etc.
Levando em conta essas informações peço aos profissionais que trabalham com, escrevem sobre e militam pela inclusão de pessoas com deficiência que ao falar sobre surdos não falem somente de um segmento, os usuários de libras.
Existe uma enorme diversidade na surdez assim como soluções específicas para a acessibilidade de cada grupo.
Sô Ramires para o blog Sulp e Comunidade dos Surdos Oralizados.
Abril/2013

2 de abril de 2013

Saiba como agir se tiver um ataque do coração estando sozinho

Filed under: angina,ataque cardíaco,coração,miocardio,salvar vida — vergaranunes @ 12:02

Soube disto hoje, e quis compartilhar com vocês.
Fonte: http://sbhci.org.br/publico-leigo/saiba-como-agir-se-tiver-um-ataque-do-coracao-estando-sozinho/

Digamos (apenas por hipótese) que são 18:15 hs. e estás de regresso a casa, depois de um dia de trabalho especialmente difícil.
Estás realmente cansado e frustrado…
Repentinamente experimentas uma forte dor no peito, que se difunde até ao teu braço e, até mais acima, à mandíbula.
Estás a 8 km do hospital mais próximo. Desafortunadamente, não sabes se conseguirás fazer essa distância e chegar lá.
O que devo fazer?
Mesmo que tenhas sido treinado em RCP (ressucitação cardio pulmonar), provavelmente o instrutor do curso não te disse como aplicá-la a ti mesmo !!!
Como poderás sobreviver a um ataque do coração, quando te encontrares só?
Muitas pessoas encontram-se sozinhas, quando sofrem um ataque de coração. Sem ajuda, uma pessoa na qual o coração bata incorretamente e que comece a sentir-se desmaiar, só tem 10 segundos, antes de perder a consciência.
Resposta:
  • Não entres em pânico, comece a tossir repetida e vigorosamente.
  • Deves respirar, profundamente, antes de cada tosse. A tosse deve ser profunda e prolongada, como quando se produz um forte ataque de tosse, proveniente do diafragma.
  • Cada inalação e cada tosse devem ser repetidas de dois em dois segundos, aproximadamente, e sem parar, até que se consiga uma ajuda, ou até que o coração esteja, de novo, a bater normalmente.
As inspirações profundas levam oxigênio aos pulmões e os movimentos de contração da tosse comprimem o coração e mantém o sangue a circular. A pressão sobre o coração também ajuda a recuperar o ritmo cardíaco normal. Desta maneira, as vítimas de um ataque de coração podem chegar ao hospital e sobreviver.
Compartilhe esta informação com tantas pessoas quantas te seja possível comunicar.
Isto poderá salvar as suas vidas!!!
E se a sua idade for inferior a 25 ou 30 anos, não penses que essa pessoa não é propensa a um ataque de coração. Hoje em dia, devido a mudança do nosso estilo de vida, os ataques do coração atingem pessoas de todas as idades.
ARTICLE PUBLISHED ON N.º 240 OF JOURNAL OF GENERAL HOSPITAL ROCHESTER

Blog no WordPress.com.